CISTOSTOMIA SUPRAPÚBICA




DESCRIÇÃO


A cistostomia suprapúbica é um procedimento cirúrgico tradicionalmente realizado em sala de operação e rotineiramente utilizado na urologia para aliviar a pressão na bexiga em pacientes com quadro grave de obstrução vesical, especialmente nos casos em que o cateterismo ureteral se prova ineficaz ou indesejado (havendo, por exemplo, próstata aumentada ou estenose ureteral). Também é indicado em caráter opcional para pacientes com baixa tolerância a um cateterismo ureteral de longo prazo devido a espasmos vesicais, desconforto, bypassing e no caso de doenças neurológicas, como esclerose múltipla e espinha bífida.

Apesar de ser normalmente considerado um procedimento seguro, a introdução inicial apresenta um risco pequeno, mas significativo, de perfuração do intestino, especialmente em pacientes com a bexiga contraída. Devido aos riscos envolvidos, os métodos tradicionais podem ser um tanto intimidadores para ambos o médico e o paciente.

A Dynamed trouxe para o Brasil um kit inovador para a introdução de cateteres através da técnica de Seldinger, um procedimento modo a proporcionar mais segurança e reduzir o número de inserções realizadas com anestesia geral.




O SISTEMA S-CATHTM


Um kit para cistostomia suprapúbica de Seldinger, o S-CathTM inclui uma agulha longa (16G), um fio guia, um trocar com capa externa e um conjunto de sondas de silicone de diferentes calibres (8, 12, 14 ou 16 Fr). Os cateteres possuem versões com extremidades abertas ou fechadas (os de 8 e 12 Fr estão disponíveis apenas com extremidades fechadas).

A anestesia da via é feita de modo convencional, mas a agulha é mantida no paciente para que, através da mesma, o fio guia possa ser conduzido para dentro da bexiga. Dentro da bexiga, o fio fica ligeiramente curvado contra parede posterior, impedindo o trocar de ser introduzido além do desejado. A agulha pode então ser removida, dando vez ao trocar, que é posicionado de forma controlada, contribuindo para diminuir a ansiedade e garantindo sua entrada na bexiga.



VANTAGENS


O S-CathTM apresenta inúmeras vantagens para ambos o paciente e a equipe médica:

  • Maior controle e precisão: um alto grau de controle possibilita o posicionamento preciso;
  • Baixo risco de trauma ou dano tecidual: são raros os casos em que o cateter precisa ser inserido sob anestesia geral, reduzindo os riscos associados em idosos e outros grupos de risco;
  • Maior confiança: o sistema permite localizar a bexiga com uma agulha hipodérmica de 18G, aumentando a segurança no momento da inserção do trocar para dentro da bexiga uma vez tendo a via já sido fixada pelo fio guia;
  • Inserção e remoção melhoradas: o fio guia facilita a inserção e a remoção, garantindo a introdução do trocar pela via anestesiada;
  • Redução de custos e da estadia no hospital: para a realização do procedimento, o paciente raramente precisa ser internado, submetido a anestesia geral ou direcionado a um centro cirúrgico, reduzindo a estadia no hospital, além de custos gerais. A prática tem mostrado que o tempo dedicado ao procedimento pode cair de 2,3 dias a apenas 29 minutos;
  • Liberação da agenda do médico e redução de horas extras: permite que enfermeiros bem treinados realizem o procedimento, consumindo menos tempo do médico, especialmente fora de seu horário rotineiro de trabalho.







ONDE ESTAMOS?


Rua Dom Jorge de Menezes, 1180 - Centro
Vila Velha - ES, 29100-250, Brasil
E-mail: endogerais@uai.com.br
endogerais@endogerais.com.br
Telefones: 27 3063-8344
Celular: 27 99975-2002


CONTATOS